Banho, fraldas e cuidados com a pele

banho-fraldas-e-cuidados-com-a-pele

Banho, fraldas e cuidados com a pele

A hora do banho pode ser uma experiência muito agradável para você e o seu bebê. A pele do bebê é macia e deve ser tratada com cuidado. Se esta é a sua primeira experiência em cuidar de um recém-nascido, é possível que você tenha muitas questões sobre como banhar, com segurança, o seu querido bebê.

Com que frequência eu devo dar banho no meu bebê?

Diferentemente de crianças e adultos, os bebês não precisam de banho diariamente. Enquanto é importante limpar cuidadosamente o seu bebê a cada troca de fraldas, um banho de 2 a 3 vezes na semana é suficiente.

Qual é a temperatura certa?

A água na temperatura certa deve ser confortavelmente morna, sentindo-a com a parte interna do seu punho. Ela deverá estar entre 32 e 37°C. O cômodo também deve estar a uma temperatura confortável (cerca de 23°C). O primeiro banho do bebê é uma boa oportunidade para conferir se o seu aquecedor de água não está ajustado para mais do que 48°C.

O que é preciso para dar banho no meu bebê?

É importante ter bastante cuidado durante o banho de seu bebê. Durante as primeiras duas semanas, geralmente, é recomendado que você dê banhos com uma esponja, até que o cordão umbilical caia. Assim que o cordão umbilical cair, você precisará de uma pia de cozinha sanitizada, uma bacia ou uma banheira de bebê. Isso minimiza os riscos associados ao dar banhos num bebê numa banheira maior. Abaixo, há uma lista útil com os itens recomendados para a hora do banho:

  • bolas de algodão,
  • toalhas de rosto macias,
  • toalha de banho com capuz,
  • muda de roupas limpas (incluindo uma fralda),
  • toalhas extra,
  • sabão, loção, óleo para bebê e shampoo para bebês e
  • um termômetro (para verificar a temperatura da água).

Dicas importantes para a hora do banho:

  • SEMPRE mantenha, ao menos, uma mão no seu bebê DURANTE TODO O TEMPO. A sua pele é bastante escorregadia durante e após o banho.
  • NUNCA saia para atender à porta ou ao telefone (em caso de emergência, no qual você realmente precise parar, embrulhe o seu bebê numa toalha e leve-o com você).
  • Coloque apenas entre 5 a 7 centímetros de água na banheira.
  • Certifique-se de que a área em torno do local no qual você está dando o banho no bebê é coberta com tapetes antiderrapantes.
  • Certifique-se de que a torneira não está quente (caso esteja, cubra-a ou deixe correr água fria para resfriá-la).
  • Segure o pescoço e a cabeça do seu bebê durante o banho.

Fraldas

A troca de fraldas é uma tarefa que se tornará mais fácil com o tempo. Fraldas descartáveis são muito fáceis de colocar; elas, simplesmente, são dobradas e presas com velcro ou fita adesiva. Você aprenderá a avaliar o seu bebê e determinar qual o método mais confortável para trocar as fraldas. Compre fraldas com um espaço separado para o cordão umbilical do recém-nascido ou mantenha a fralda dobrada abaixo desse ponto.

Dicas para trocar meninos:

  • SEMPRE mantenha o pênis coberto enquanto troca a criança (caso contrário, você poderá se molhar!)
  • Limpe a genitália com delicadeza e não puxe o prepúcio para trás.
  • Limpe todas as dobras e aplique pomada na genitália e nas nádegas para evitar assaduras.
  • Se você perceber secreções amarelas, são normais. Se a ponta do pênis aparentar certo inchaço, e você perceber feridas amarelas com crostas (e com líquido) no final do pênis, procure o seu médico.

banho-fraldas-e-cuidados-com-a-pele

Dicas para trocar meninas:

  • Certifique-se de limpá-la num movimento “de frente para trás”, iniciando pela vagina e em direção ao reto (isso reduz as chances de infecção).
  • NÃO puxe os lábios (dobras da vagina) para trás, para limpá-los.
  • Limpe todas as dobras e aplique pomada na genitália e nas nádegas para evitar assaduras.

A escolha entre fraldas de pano ou descartáveis depende dos pais e, em certas ocasiões, com participação do pediatra. Ambos os tipos têm prós e contras, e você e o seu parceiro deverão decidir qual tipo é adequado para o seu bebê.

Cuidados com a pele

Quando você olhou para o seu bebê pela primeira vez, talvez tenha se perguntado por que havia uma pelagem corporal (lanugem) ou um revestimento viscoso (vérnix). Isso é completamente normal, e alguns bebês têm mais do que outros.

O pelo e revestimento protegem o bebê durante a sua árdua viagem pelo canal de nascimento para este “novo mundo”. Em alguns dias, estas características desaparecerão e o seu bebezinho terá uma pele maravilhosamente macia!

Como você mantém a pele sensível do seu bebê saudável, macia e lisa? Abaixo, há algumas dicas:

  • Lembre-se de usar produtos com fórmulas especiais para bebês (a não ser que outros produtos sejam sugeridos por seu médico). Produtos feitos para adultos podem conter produtos químicos e perfumes desnecessários que poderão irritar a pele do seu bebê. Eles podem causar assaduras, calombos e pele irritada.
  • Não entre em pânico com marcas similares a acnes que podem aparecer no rosto do seu bebê. Elas são chamadas de acne de bebê e ocorrem com frequência em recém-nascidos. Essas marcas brancas são o resultado de glândulas sebáceas que ainda não maturaram. O bebê ainda traz, consigo, alguns dos seus hormônios como o resultado de estar no seu útero durante a gravidez, e, geralmente, são necessárias 6 semanas para o sistema do bebê se estabilizar. A marcas desaparecerão ao final desse período. A menos que, de outra forma, indicado pelo seu médico, a única coisa que você precisará fazer é lavá-las com água. Não utilize sabão ou tente apertá-las, pois isso poderá agravar e piorar as marcas.
  • Protega o seu bebê do sol, vento e ar seco. Mantenha o seu bebê coberto e vestido adequadamente (evite roupas em excesso) para minimizar o risco de brotoejas. Além disso, limite o tempo de exposição do seu bebê ao sol, especialmente durante os primeiros 6 meses. A pele do seu bebê é extremamente sensível ao sol. Verifique, com o seu pediatra, se é indicado usar protetor solar antes do seu bebê chegar aos 6 meses de idade. Sempre use um chapéu ou boné quando você levar o seu bebê para sair.
  • “Limpíssimo” nem sempre é bom. Reduza o número de vezes que você lava o bebê com sabão. Isso permite que a pele mantenha seu pH a um nível normal e reduz as chances de irritação.
  • Uma variedade de manchas ou marcas normais poderão aparecer na pele do seu bebê. Algumas marcas são chamadas de manchas mongólicas e, geralmente, aparecem nas nádegas ou costas do bebê. Essas manchas, geralmente, desaparecem após o primeiro ano de vida. Hemangioma infantil (marcas vermelhas, macias e em alto relevo) também poderá ocorrer e desaparecer depois de certo tempo. Converse com o seu pediatra sobre as marcas e manchas no seu bebê durante uma consulta, para que você saiba o que esperar.
  • A “caspa de bebê” também é normal. Esse couro cabeludo escamoso, encrostado e oleoso é chamado de dermatite seborreica neonatal. Poderá aparecer na cabeça do seu bebê durante os primeiros meses e é causada por glândulas sebáceas que estão sobrecarregadas. Embora não tenha uma boa aparência, não coça e pode ser tratada ao lavar a cabeça do bebê com um shampoo para bebês a cada dois ou três dias. Uma escova para bebês e óleo mineral também poderá ajudar a soltar e remover as caspas do bebê.