20 soluções dos problemas mais comuns entre adolescentes

problemas mais comuns entre adolescentes

20 soluções dos problemas mais comuns entre adolescentes

As pessoas dizem que a adolescência é a melhor fase da vida e bem, mas não vamos esquecer que é a fase mais confusa também. Com hormônios furiosos, por um lado, exortando os adolescentes a experimentarem suas próprias mãos em várias atividades, há uma série de mudanças corporais, por outro lado, que os fazem procurar a retirada de vários eventos que acontecem. Todos nós já passamos por essa fase e subimos com sucesso as escadas até a idade adulta. Se você tem um adolescente em casa, certamente você deve ter uma pista sobre todas as birras, o fechamento da porta, conversas secretas com seus amigos, etc. Em vez de se preocupar constantemente com o seu filho e repreendê-lo, basta tomar uma pílula para relaxar e deixá-lo explorar as maravilhas da vida adolescente. A melhor coisa que você pode fazer é tornar-se amigo do seu filho, o que o ajudará a confiar nele tudo ao seu redor.

Assim como uma moeda tem duas facetas, até mesmo a vida de um adolescente tem dois rostos, o que vem com muitos desafios. Se você tem um adolescente, você deve enfrentar muitos problemas em sua vida, que podem variar de mera confusão a questões que Eles parecem muito grandes. Como pai, você deve apertar a mão de seu filho para sair vitorioso dos problemas.

Os problemas mais comuns das meninas estão relacionados à aparência, educação, problemas do adolescente com os homens, pressão dos colegas, auto-estima, uso de substâncias, menstruação, etc. Então, eu apresento 10 problemas comuns do adolescente daqui e suas soluções prováveis. Leia este artigo no blogdamiihs para descobrir os 10 principais problemas que os adolescentes enfrentam e como você pode ajudá-los nesse caso.

Dicas para resolver problemas comuns de adolescentes e adolescentes

  1. Aparência:

    Esse problema surge como número um em cada lista de problemas adolescentes. Como o corpo está passando por muitas mudanças nessa fase, torna-se difícil lidar com isso. Além disso, os adolescentes são bombardeados com redes sociais nos dias de hoje, o que aumenta sua pressão para estar em perfeita forma o tempo todo. Este conceito de ter uma “figura perfeita” mancha a imagem corporal de um adolescente.

  2. Vigilância cuidadosa

    Você precisa controlar seu filho com cuidado e discutir abertamente como você vê essa moda não é real e promove uma imagem corporal negativa. Você deve garantir que o seu jovem não opte por hábitos alimentares pouco saudáveis, como seguir uma dieta rígida. Como mãe, você deve promover a ideia de uma imagem corporal positiva de todas as formas possíveis.

    problemas mais comuns entre os adolescentes

  3. Educação:

    Com a sociedade focando a atenção em marcas e qualificações, seu filho pode se sentir muito pressionado.

  4. É por isso que você deve fazer sua filha entender que é importante estudar bem, mas as broncas não são uma maneira correta de ajudar alguém. Incentive seu filho a realizar atividades extracurriculares que você goste, o que o ajudará a mudar sua atenção por um tempo.
  5. Namoro:

    O aumento repentino de hormônios sexuais é a razão pela qual sua filha ou filho pode estar diante de um estágio em que eles comecem a gostar do sexo oposto. Ela ou ele se encontrará no meio de uma primeira paixão, amor e paixão. Mas a pressão dos colegas, juntamente com o avanço da mídia, as relações sexuais relacionadas ao romance adolescente e seu filho pode se encontrar no meio dessa pressão, por isso é um momento confuso para ele.

  6. Tente conversar abertamente com o filho sobre tais sentimentos e também educá-la na educação sexual. Ensine-lhe que ter esses sentimentos é bom, mas que ele deveria aprender a dizer um “não” direto quando se trata de sexo. Ensine seu filho a não sofrer nenhuma pressão sob nenhuma circunstância.
  7. Intimidação:

    O bullying é um problema que incomoda muitos adolescentes, sejam elas meninas ou meninos. Esse problema também leva a problemas de personalidade e comportamento, o que pode fazer com que seu filho se sinta deprimido e até mesmo suicida às vezes.

  8. Certifique-se de que seu filho compartilhe tudo com você e, se ele intimidá-lo, ensine-o a se defender. Você pode até mesmo dar seus exemplos em caso de intimidação ou de outros e como alguém pode emergir dela.
  9. Amizade:

    Durante a adolescência, cada relacionamento pode parecer difícil de administrar. Até mesmo a amizade pode atingir um terreno frágil quando a criança passa pela fase de desenvolvimento em termos de socialização. Seu filho pode estar perto de seu amigo em um momento e lutar no próximo momento, portanto, tornando o relacionamento uma questão complexa

  10. Ensine seu filho que não há problemas em brigar com amigos e que nem todos podem ter opiniões semelhantes. Diferenças nas opiniões devem ser respeitadas para evitar que um relacionamento entre no chão. A melhor maneira é discutir os problemas, encontrar uma solução e esquecê-los e seguir em frente. Como pai, você deve controlar o tipo de amigos que você faz e ter certeza de que você tem a companhia certa.
  11. Auto-estima:

    Os adolescentes têm o hábito de se comparar com outras meninas e tendem a estar sob pressão, promovendo, assim, uma imagem corporal negativa. Você pode tornar-se extremamente consciente da maneira como anda, fala, se veste, etc., o que afeta negativamente a sua auto-estima

  12. Certifique-se de que seu filho não idolatre nenhum ator ou modelo e explique que todos têm uma diferença no corpo . Em vez disso, você pode incentivar seu filho a participar de suas atividades favoritas e refinar seu conjunto de habilidades.
  13. Pressão do grupo:

    Entre todos os problemas que um adolescente enfrenta, a pressão dos colegas tem que ser um deles. Os adolescentes estão constantemente sob a necessidade de sentir que fazem parte de um grupo e, portanto, tendem a ceder à pressão muitas vezes. Isso também acontece se o seu filho não se sentir à vontade para fazê-lo.

  14. Explique à sua filha o conceito de pressão dos colegas e mostre a ela o quanto ela é especial, por isso ela não deve sempre ir com os outros. Ela sempre pode escolher de uma certa maneira sem sentir a pressão de ser julgada.
  15. Uso da substancia:

    Esse é o problema que a maioria dos adolescentes enfrenta hoje em todo o mundo. Só para ver ou agir de maneira “legal” diante de seus namorados ou amigos, uma série de adolescentes se entrega ao uso de substâncias, que mais tarde se transforma em abuso de substâncias, arruinando suas vidas em um determinado momento. Para reduzir o estresse ou apenas sentir-se bem, os adolescentes se dedicam ao uso de substâncias

  16. Você deve ensinar a seu filho que participar dessas atividades é um “não” rigoroso e como o senso temporário de bondade pode arruinar um corpo saudável. Tais ações sempre têm conseqüências adversas, que você deve informar sua filha.problemas mais comuns entre adolescentes
  17. Menstruação:

    Durante essa idade, sua filha terá seus primeiros períodos e também construirá muitos equívocos sobre a mesma coisa.

  18. Você deve esclarecer todas as dúvidas que sua filha tem com relação a esse problema e ensiná-la como esse processo é natural e não ceder. a qualquer tipo de superstição associada a ele. Ensine sua filha a lidar com situações de emergência e sempre leve alguns serviços adicionais necessários, o que pode ser útil. Em resumo, você deve ensinar a sua filha tudo relacionado à menstruação, que também inclui medicamentos para tratar a dor e a perda de peso.
  19. Depressão:

    Adolescentes podem ser afetados por qualquer coisa e tudo, especialmente quando as coisas não parecem funcionar do jeito que querem. Isso os faz sentirem-se pressionados e podem facilmente entrar em depressão, se não forem monitorados. Alguns fatores, como notas baixas, relacionamento ruim com os pares, ganho / perda de peso, abuso de substâncias, etc., podem desencadear o risco de depressão neles

  20. . Você deve monitorar os sinais de depressão em seu filho e falar sobre isso imediatamente. Certifique-se de saber o que está causando sua preocupação e fale sobre isso. Se necessário, você pode procurar intervenção médica também.

Uma das melhores maneiras de garantir o que está acontecendo com sua garota é manter uma comunicação aberta. Uma mãe afetuosa é sempre a melhor amiga do filho primeiro, que é o modo como uma mãe pode garantir o bem-estar de seu filho. Em vez de constantemente repreendê-lo, mantenha uma comunicação aberta e bidirecional com ela, o que fará com que ela se sinta confortável em se abrir com você o tempo todo.

Você gostou do blog? Você achou útil? Por favor, compartilhe suas opiniões conosco na seção de comentários abaixo; nós gostaríamos de ouvir de você.